Contorno facial na vida real – como eu faço

Mais um post sobre contorno facial!

Hoje chegou a vez de tentar mostrar com eu contorno o meu rosto, mas antes recomendo que você entenda como isso funciona, os produtos ideais e muitas dicas pra você fazer essa técnica acontecer na vida real…na sua vida.

Dá um pulo nesse post aqui que eu explico direitinho!

como-funciona-a-maquiagem
Chega de loucura e vamos lá!

Tentei fotografar da melhor maneira possível e acabei carregando um pouco nos produtos pra mostrar melhor o efeito de luz e sombra.

O objetivo de contornar o rosto é harmonizar o seu formato e trazer aquela sensação de emagrecimento:
Escurecendo regiões: esconder a papada, afinar as bochechas / nariz e disfarçar o tamanho da testa.
Clareando regiões: ressaltar as maçãs do rosto, trazer o queixo pra frente e aumentar os lábios de leve.

Contorno é ilusão de óptica, não faz milagres!

A Kim Kardashian consegue ilustrar bem as regiões que ela curte contornar:

4

Eu particularmente só afino as bochechas/papada e ilumino o queixo, mas fiz um pouco mais que o habitual para mostrar os efeitos, ok?!

Aqui temos euzinha sem dignidade:.

Pele limpa / base aplicada.

Claro que a base disfarça minha vermelhidão, olheiras e uniformiza a pele…mas o rosto fica PLANO…sem profundidade que as variações de luz e sombra nos dão, e isso traz uma aparência não saudável.

No esquema abaixo dá pra ter uma ideia dos locais que se deve escurecer e clarear para ganhar profundidade no rosto (aquele esquema da Kim acima também te ajuda):

contorno_desenho

Utilizo um pincel de blush para contornar bochechas e queixo e um pincel de esfumar sombra para contornar o nariz.

Os produtos devem ser concentrados nas regiões, mas sempre bem esfumados, evitando que as pessoas vejam exatamente aonde começa uma cor e termina a outra.

Boca de peixinho ajuda a aparecer o sulco aonde o pó escuro deve ser aplicado.

Você pode apertar as cerdas do pincel para ele ganhar um formato certinho. Venha escurecendo desde a orelha no sentido dos lábios….abaixo do osso da maçã (sempre abaixo e nunca sobre o osso)….só não se aproxime da boca…o objetivo é aprofundar a bochecha! Esfume muito!!!! Eu usei um pó mais escuro que o meu tom de pele e com um fundo frio/acinzentado. O pó escuro na raiz dos cabelos diminui a testa (eu quase não tenho testa, portanto não contorno ali…só encenei pra te mostrar!).

Afinar o nariz implica em escurecer as laterais e iluminar o dorso. Sempre de leve para parecer somente um sombreado (se usar muito produto vai parecer que está sujo!). Na dúvida, volte no desenho acima que mostra as regiões pra lembrar!

Para clarear/iluminar eu usei um corretivo mais claro que meu tom de pele (misturei produtos líquidos e em pó para mostrar que você é quem decide o que funciona melhor!). Centro da testa, abaixo dos olhos, dorso do nariz e queixo. Espalhe com os dedos ou um pincel da sua preferência.

Lembre-se: depois de tanto escurecer e clarear….o resultado ainda deve ser sutil!

Pele limpa / contorno feito.

Sei que o resultado é delicado, mas dá pra notar um rosto mais fino, nariz afinado e pele com acabamento viçoso?! Espero que sim!

Vale ressaltar que o contorno é uma etapa da maquiagem de pele, portanto não existe para aparecer com intensidade e cor no final do processo. Ele embeleza o rosto com sutileza, assim você parece melhor, mas quem te olha não sabe exatamente o porquê.

Pele limpa / contorno / maquiagem pronta

Dicas

  • Contorno é diferente de bronzer. Para contornar o marrom deve ter fundo frio / acinzentado, para bronzear o fundo deve ser quente…portanto cuidado para não contornar o rosto com um produto avermelhado.
  • Pegue leve no brilho ao usar os produtos claros no contorno…prefira pós e cremes opacos e depois passe um iluminador aonde você quiser ganhar mais atenção (nada de parecer a globeleza, afinal muito brilho dá impressão de pele oleosa).
  • Produtos em creme dão um pouco mais de trabalho no contorno pois você tem que “assentar” com um pó no final….os pós são mais práticos, mas tudo depende do seu tipo de pele.
  • Quando contornar as bochechas, deixe pelo menos 2 dedos de distância da sua boca para o pó escuro!
  • Deixo abaixo um esqueminha bem simplificado de como você pode usar e variar o contorno dependendo do seu formato de rosto:

2

  • O blush deve ser aplicado normalmente depois do contorno facial. O blush fica exatamente sobre a maçã do rosto e o contorno estará abaixo…são lugares e tons diferentes!

Agora é começar a treinar, se olhar e escolher o contorno que te favorece!

Você pode deixar dúvidas aqui nos comentários!

Não deixe de me seguir no Instagram @karenrothsaiz e marcar suas fotos com produtos e assuntos vistos aqui com #escolhasdebeleza para eu poder acompanhar!

Beijos e até a próxima!

 

 

Contorno facial na vida real – Dicas e produtos

*Eu sei que o blog ficou um pouquinho parado essa semana, mas alguns acontecimentos nos tiram da rotina… Mas vamos ao que interessa?!

A técnica de contorno facial não é novidade, mas ganhou notoriedade com as maquiagens lindas que a Kim Kardashian começou a desfilar na nossa cara.

6

Apesar de saber que ela já mexeu um bocado no rosto, muita gente começou a ver cirurgias plásticas aonde só existiam truques de luz e sombra feitos com maquiagem.

3

E aí foi aquela enxurrada de posts, tutoriais, vídeos e demonstrações de técnicas e mais técnicas de usar um monte de produtos claros, escuros, coloridos e ganhar uma pele de photoshop.

Posso dizer?

Não consigo ver isso funcionando na vida real, na nossa pele, saca?! É legal conhecer novas formas de se maquiar, aprender truques, mas também é preciso saber que isso funciona melhor se você tiver tempo ou quiser algo mais elaborado para uma ocasião especial.

Você acorda cedo, se arruma rapidinho, engole um café da manhã, toma um banho, apronta as crianças, lanche, leva pro colégio e sai pra trabalhar! Dá pra ficar meia hora contornando o rosto pra disfarçar um queixo pontudo ou uma bochecha mais pronunciada? Como sua pele se comportaria com um monte de produtos cremosos e você sem tempo pra fazer um retoque durante sua jornada?

Por isso resolvi falar sobre o contorno da vida real.

Entenda: eu não sou maquiadora. Não estou falando que as técnicas não funcionam. Só acho que precisamos de uma dose de realidade pra fazer isso funcionar na nossa vida. Sou mulher real, trabalho fora e também quero contornar o meu rosto, só que sem a ajuda de um profissional e sem ficar frustrada!

Você pode…

  • Afinar as o rosto de leve e parecer mais magra.
  • Diminuir a papada e emagrecer mais um pouco.
  • Afinar o nariz e arrebitar a pontinha.
  • Ressaltar as maçãs do rosto.
  • Ganhar efeito de lábios maiores
  • Iluminar o centro do rosto.
  • Reduzir a testa e os cantos muito pronunciados do seu rosto (maxilar, por exemplo).

 

Hoje falaremos sobre algumas dicas que eu acho importantes na hora de contornar o rosto e mais adiante, em outros posts, pretendo mostrar como eu faço no meu rosto. O assunto é extenso, por isso resolvi dividir o conteúdo pra não ficar muito cansativo. Escolher os produtos certos pra você é tão importante quanto saber fazer.

O que você precisa entender

Pontos chave:

  • Entender que o contorno trabalha a luz e a sombra que incide sobre o rosto.
    • Luz: locais mais claros e iluminados que ganharão destaque e se projetam pra frente (são ressaltados).
    • Sombra: locais mais escuros que ganharão profundidade e se tornarão menos evidentes.
  • Se olhar no espelho e determinar seu formato de rosto, ou simplesmente decidir o que você quer ressaltar/aprofundar para ganhar harmonia na proporção do rosto.

Um exemplo: se você acha sua testa grande, esta deve ser uma área que merece um escurecimento para dar a impressão de ser menor e tudo ficar mais proporcional, entende?

Produtos para contorno

Existem milhões por aí. Acho que você deve levar algumas coisas em consideração na hora de escolher os seus:

  • Tipo de pele: se você tem pele madura ou oleosa, não escolha produtos em creme que se acumulam ou derretem rapidamente. Talvez seja melhor optar por cremes sequinhos de longa duração ou produtos em pó. Já as peles mais secas toleram produtos em creme mais hidratantes para evitar aquele efeito craquelado após um tempo.

15

  • Quanto tempo você dispõe para fazer sua maquiagem: produtos cremosos tem que ser bem espalhados nas regiões certas do rosto e bem fundidos ao resto da pele para uma aparência natural. Isso leva um tempo. Os produtos em pó também devem ser bem espalhados, mas um pincel legal e a mão leve na hora de aplicar facilitam esse processo acontecer mais rapidinho.
  • Tom de pele: escolher cores certas para contorno é essencial. Os tons mais claros e escuros que você deve usar não podem ser muito diferentes da cor original da sua pele, senão o efeito será marcado e falso. O legal é a suavidade na transição das cores. Opte por tons somente um pouco mais claros e escuros.
    • Além disso, o contorno não deve colorir a pele (como um blush), só contrastar, então o ideal é escolher um marrom frio (fundo acinzentado e não avermelhado), para parecer uma sombra no rosto e um bege com um ou dois tons mais claros para iluminar (sem aquele efeito panda invertido).
7
Olha a Kim aí com um efeito muito mais claro abaixo dos olhos. A testa parece mega escura e o blush ficou marcado (contraste errado!).
  • Intensidade e naturalidade: lembre-se que quanto mais produtos e quantidades colocar, mais artificial vai ficar. Não adianta passar uma base super pesada e ainda encher o rosto com corretivos coloridos buscando uma pele natural. Se você deseja pesar a mão no contorno cremoso, pegue leve na base ou assuma o risco de ficar com a cara mais rebocada!

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Como já disse, não sou maquiadora profissional, além disso existem diversos jeitos de fazer contorno. Você precisa tentar, testar, se olhar e fazer outros jeitos pra decidir o que prefere.

Só lembre-se sempre que tons claros ressaltam e escuros aprofundam e escondem.

Dicas anotadas?

Em breve vai ter post por aqui mostrando como eu faço, com direito a fotos de antes e depois, ok?!

Beijos e até a próxima!!!

PINCÉIS DE MAQUIAGEM PARA TODO MUNDO USAR! – Dicas gerais e pincel para base

Hoje é dia de começar a falar de pincéis de maquiagem! \o/ Oba!

Vou dividir esse assunto em alguns posts porque é extenso, assim vamos aprendendo aos poucos e posso tirar as dúvidas que aparecerem aqui nos comentários, ok?

1

 Muita gente gasta dinheiro com produtos caros e acaba aproveitando pouco o que eles têm a oferecer. Às vezes não gosta do resultado dos produtos no rosto, mas só utiliza os dedos na aplicação, sem acabamento. Aí entram os pincéis! Eles podem ajudar e muito a melhorar os resultados da sua maquiagem:

  • Acabamento mais preciso;
  • Mão limpas ao final da maquiagem (ou menos sujas no meu caso rs);
  • Economia de produtos (usar menos quantidade para obter o mesmo efeito ou até melhor);
  • Fazer traçados e esfumar produtos (difícil fazer com as mãos).

Existe uma infinidade de tipos de pincéis, mas para a maquiagem amadora, que fazemos em casa, não precisamos de muitos deles. Basta ter os pincéis certos para cada função e pronto: acabamento de profissional!

Existem muitos pincéis criados para executar a mesma função. Aí entra o gosto pessoal, por exemplo: existem vários formatos diferentes de pincéis para aplicar base (língua de gato, kabuki, flat top, duo fiber…) e cada um fornece um acabamento diferente (natural ou maior cobertura) e serve melhor para um tipo de base (líquida, pó, cremosa).

Aqui vou listar as MINHAS preferências e mostrar os pincéis que EU tenho, mas pode ser que você opte por outro tipo de pincel e adore também. Na minha opinião, cada pincel pode até ser feito para uma função específica, mas quem decidirá como usar é você, do jeito que testar e achar melhor. Maquiagem é liberdade, sem regras absolutas! Pincel de base pode servir para o corretivo, pincel de blush para o pó e assim vai!

Acho importante ressaltar que existem pincéis de cerdas sintéticas e de cerdas naturais:

  • Cerdas naturais: feitos com pelos de animais. Normalmente são macios e ficam descabelados e danificados com mais facilidade. Tem que ser cuidadosa! Prefiro aplicar produtos em pó, pois eles absorvem mais resíduos e são mais trabalhosos para limpar. Se aplicar base líquida, muito produto fica preso no pincel e gera desperdício, entende? Aplico blush, pó e sombras em pó com os meus.
  • Cerdas sintéticas: devido à tecnologia, encontramos dos mais macios aos mais densos. Uso para aplicar produtos líquidos e cremosos, pois absorvem menos resíduos e são mais fáceis de lavar (bases, corretivos, delineador e blush em creme). Funcionam para produtos em pó também.

Então qual escolher? Eu adoro todos os meus pincéis, mas os sintéticos possuem muita qualidade e são mais fáceis de lavar e cuidar. Pincéis naturais exigem mais cuidados para que durem e se mantenham alinhados. Depois farei um post só sobre lavagem e conservação dos pincéis, ok?

VOCÊ PRECISA SABER

Pincéis mais fofos e macios: carregam menos cor e espalham mais os produtos. Se usar um pincel fofo (com menos cerdas), você terá um resultado mais natural e menos concentrado de cor. É legal usar para aplicar blush sem marcar, pó por todo o rosto e sombras bem esfumadas e misturadas.

Pincéis mais firmes e densos: concentram mais o produto no ponto aonde você aplicou e trazem cores mais intensas e linhas firmes e marcadas. Legal para aplicar delineador, base, corretivo e sombras quando você quer resultados mais intensos de cor.

Guardou? Pincel fofo esfuma e pincel firme concentra cores!

PINCEL DE BASE

Ele pode ser usado para aplicar base, bb/cc cream, protetor solar com cor, ou qualquer outro produto que você use para cobrir a área toda do rosto e pescoço. Tamanho maior e normalmente possui muitas cerdas, para abranger a área toda de maneira mais eficaz e rápida. Já pensou ter que aplicar base com um pincel minúsculo? Também não adianta ter um pincel gigante, pois ele absorve muito produto (desperdício) e você não consegue espalhar nas dobrinhas da face (cantinho do nariz, queixo e ao redor dos olhos), deixando um acabamento grosseiro e produto acumulado.

Tenho 4 tipos aqui em casa (como sempre, todas as fotos ampliam se clicar sobre elas):

Língua de gato: é o mais tradicional. Serve para aplicar produtos líquidos. Não curto muito, pois acho que dificulta para espalhar e deixa umas marcas no rosto depois da secagem da base. Acho que funciona melhor para produtos de cobertura mais leve (bases hidratantes e fluidas), pois ajuda a espalhar sem marcar.

2 3

Largo de frete e fino de lado

4

Espalha a base como um leque.

Kabuki: Adoro esse pincel! Grande, fofo e macio. Faz carinho no rosto enquanto aplica os produtos. Eu adoro para aplicar base em pó, pois carrega bastante produto e deposita já esfumando na pele. Faço movimentos circulares por todo o rosto e pescoço e ele me dá acabamento uniforme e natural. Além disso, é muito rápido de fazer! Ótimo pincel par aplicar pó também (1 pincel, duas funções).

5 6

Grande e macio para espalhar produtos em pó.

7

Aplica e esfuma.

Flat top kabuki: Ele é gordinho e com corte das cerdas bem reto no topo. Amo para aplicar bases líquidas de cobertura média a alta. É macio, porém firme. Quando uso, sinto que ele espalha a base e já vai polindo o rosto, sabe? Não deixa marcas de pincel e uniformiza o produto sobre a pele. Por ser durinho, faz a base entrar em cada cantinho, sem acúmulos, gerando maior aproveitamento do produto. Se preciso de mais cobertura em algum lugar, reaplico uma segunda camada só aonde quero e pronto!

8 9

Topo reto e bem denso (muitas cerdas).

10

Aplica base com acabamento polido e mais carregado

Duo fiber: Possui os 2 tipos de fibras: naturais mais curtas (pretas) e sintéticas mais longas (claras). É bem macio e as fibras sintéticas longas espaçadas dão naturalidade ao espalhar e polir a pele. Não é tão denso, portanto mais suave na aplicação. Gosto de aplicar produtos líquidos e cremosos ou só dar acabamento com ele após aplicar base com outro pincel, para um efeito de pele lisinha. Ótimo para aplicar blush em pó, creme ou líquido de maneira natural (outro pincel com função dupla!).

11 12

2 tipos de fibras e menos denso

13

Acabamento natural

COMO COMPRAR

Você não precisa comprar todos esses pincéis de uma só vez, nem ter todos eles. Vá escolhendo, aos poucos, e comece por aquele que você mais quer. Depois de usar, você verá a sua necessidade de adquirir mais pincéis para outras funções. Vá comprando devagarinho.

Existem marcas caríssimas e outras bem acessíveis, todas com pincéis bons e outros nem tanto. Pense com calma em qual vale a pena comprar, afinal, para que comprar um pincel de corretivo se você não usa corretivo, certo? Veja suas necessidades!

Você encontra pincéis unitários e kits sendo vendidos por aí. Cuidado! Os kits enchem os olhos e parecem trazer economia, mas podem te fazer comprar pincéis que você não vai usar! Às vezes é preferível comprar cada um deles e garantir que todos serão úteis!

Você encontra pincéis com preços legais em lojas de cosméticos e também online. Vá até as lojas, pegue o pincel nas mãos, se gostar, pesquise online e veja o melhor preço! Tenho vários pincéis da Vult e Macrilan que são ótimos e não foram uma facada!

Se você não tem pressa e curte aqueles kits bonitos e recheados, dê uma olhada nas lojas internacionais made in china! Já comprei kits ótimos e outros que não valeram a espera! Só que precisa ter paciência para escolher, ler as avaliações de quem já comprou e ter um cartão de crédito internacional. Tem uma centena de tipos, pincéis unitários e kits aqui!

Cuidado com os kits de 30, 40 pincéis….alguns são bastante mal feitos e ásperos…leia os comentários e veja as fotos bem de pertinho! Eu já comprei um kit desses e tive que me desfazer de muitos pincéis, pois não conseguia passar no rosto! Me empolguei pela quantidade apresentada, porém vieram diversos pincéis repetidos e outros que eu nem uso…além de cerdas ásperas e mal acabadas.   Hoje só uso alguns pincéis de olhos desse kit.

Se animou? Depois de comprar seu primeiro e perceber que a sua maquiagem ficou mais linda, vem me contar! Ficou com dúvidas? Pode perguntar nos comentários.

Fique atenta! Ainda vamos falar sobre outros tipos de pincéis em breve!

Beijos e até a próxima!

publicidade

CAPRICHO NOS CÍLIOS

Você não tem tempo ou paciência para usar sombras, delineador ou lápis na sua maquiagem diária, mas ainda assim que estar apresentável? CAPRICHE NOS CÍLIOS!  Respira fundo, senta aí, não pisca que o assunto rende….

Sou fã de sair por aí com uma pele corrigida (nada de cobertura absurda) + cílios em destque + batom. Grande parte de nós não precisa mais do que isso para a rotina diária, além disso, muita informação não destaca nada de bonito em nós.

Cílios grandes, bem separados, pigmentados e arrumadinhos garantem olhos mais expressivos. Eu amo dar destaque aos meus, gasto bastante tempo para deixá-los como eu gosto e sinto que faz toda a diferença, mas…..como tudo que envolve maquiagem, USE O QUE VOCÊ GOSTA! Se você não gosta de destacar tanto os seus cílios ou acha que fica artificial, encontre a melhor maneira de arrumá-los sem sair de casa se sentido a Emília!

emilia

A melhor personagem do Sítio já me inspirava a construir os cílios desde pequena (aloka). 

Fonte: www1.folha.uol.com.br/folha/ilustrada/ult90u68313.shtml

Dicas que funcionam para mim:

  • Observe seus cílios. Olhe no espelho (bem de pertinho) e perceba como eles são. Curtos ou compridos, finos, muitos ou poucos, bem pretinhos ou clarinhos, curvados ou retos. A genética pode ter sido boa ou sacana com seus cílios, mas tudo tem conserto! Basta descobrir como eles são e o que você quer melhorar neles!
  • Demaquilar é essencial. Seus cílios precisam de descanso!! Depois de tantos produtos e curvex eles precisam de momentos de limpeza, hidratação e uma folga. Dormir com quilos de máscara de cílios não deixam os pelos hidratados e maleáveis. Ressecam e aumentam a queda dos pelinhos! Quer ficar sem cílios? Não, né… então tira essa máscara depois de bater as pestanas pelas ruas!
  • Se você gosta de cílios bem pigmentados, aposte em máscaras bem pretinhas. A coloração escura por si só já define bastante o olhar. Se você só quer definir, sem pesar tanto nos olhos, existem as máscaras marrons e incolores (elas moldam seus cílios sem deixar o aspecto pretão).
  • Cílios curtinhos: quer alongar? Aposte em produtos que dão a sensação de aumentar o comprimento dos fios. Aplicadores/escovinhas de máscara com menos dentinhos e mais espaçados ajudam nesse aspecto, pois agrupam os fios e pintam desde a raiz até as pontas. Abaixo segue um bom exemplo de aplicador que alonga!

escovas1

  • Poucos cílios: você precisa de volume!! As máscaras com escovas cheias de cerdas depositam mais produto, dando a impressão que você tem mais pelinhos.

escovas4 escovas3 escovas2

Cuidado: retire o excesso de produto que fica no aplicador antes de passar nas pestanas e penteie bastante seus cílios durante a aplicação. Faça mais de uma camada fina de produto, pois cílios muito pesados não ficam curvados e grudam uns nos outros (odeio quando parecem patinhas de aranhas!!!). Os pelos devem estar separadinhos e bem pintados para dar a impressão de mais volume.

  • Cílios retos: sejam eles longos ou curtos, ficam mais bonitos curvados em direção às sobrancelhas e para isso…CURVEX! Sendo sincera, não uso sempre pois gosto da curvatura dos meus cílios somente com a máscara, mas acho que faz toda a diferença nos olhos com pelinhos mais retos.

curvex

Parece máquina de tortura, pode machucar, portanto o segredo é treino! Curvar os cílios imediatamente antes de aplicar produtos e desde a raiz é a maior dica. Só o uso do curvex é assunto para outro post, caso queiram que eu fale mais sobre isso, avisem nos comentários.

  • Se você tem cílios longos e volumosos….TÁ COM SORTE, GAROTA! Capriche na aplicação separando bem os pelos para evitar grumos.
  • Cílios inferiores: teste e veja o que você gosta mais. Cílios inferiores com máscara definem e aumentam os olhos, mas também pesam mais no olhar. Aplique menos produto que na pálpebra superior e use quando você quiser olhos mais carregados.
  • Quer um volume extra? Deixe para maquiar os cílios por último! Aplique sua base, corretivo, pó e tudo mais….todos esses produtos deixam resíduos nos cílios, certo? OTIMO! Fios carregados de outros produtos ficam mais grossos e dão efeito de mais volume quando você aplicar a máscara!
  • Curte um visual mais dramático? Aposte nos postiços! Já falei deles aqui.
  • NUNCA TENTE RETIRAR PRODUTOS DOS SEUS CÍLIOS PUXANDO COM OS DEDOS: use demaquilante, água e sabonete para retirar máscaras e cílios postiços. As vezes dá vontade de puxar, mas…..pode ter certeza que você arranca seus cílios junto e ainda enfraquece os pelos que sobram!

Se você quer mais do que ter cílios bonitos na maquiagem, existem produtos que auxiliam no crescimento dos pelos (medicamentos específicos para essa finalidade). Pretendo falar mais sobre isso em outro post.

Estou testando um irmão dele (para sobrancelhas) e assim que tiver uma opinião formada sobre o produto, volto aqui apara contar.

Por esse motivo, favor reparar apenas nos cílios, esqueçam essa taturana que eu chamo de sobrancelha, afinal, estou testando o crescimento e não faz sentido arrumar o desenho neste momento (quem tem pouca sobrancelha e demora entre um retoque e outro bate aqui   o / ).

limpos1

curvex2

prontos2

ambos_prontos2

De cima para baixo: cílios limpos – com curvex –  após aplicar 2 camadas de máscara (ambos à esquerda da tela) – os dois olhos com curvex + máscara. Dá diferença, não?!

Última dica: dificilmente um só produto traz todos os efeitos que você quer, portanto fazer camadas de máscara com diferentes produtos é o pulo do gato!! Eu raramente uso uma máscara só e amo variar nas combinações!! Teste, invente e você achará utilidade até para aquela máscara que está encostada porque não gostou de usá-la sozinha (ela pode funcionar junto com outras!!)

Gostou? Agora vai lá incrementar esse olhar, garota!!

Beijos e até a próxima!

MAQUIAGEM COM CÔNCAVO MARCADO – INSPIRAÇÃO ANOS 60

Fui convidada para uma festa de aniversário temática – Anos 60 (oba!).

A maioria das pessoas já devem ficar pensando nos trajes…muitas bolinhas, saias rodadas… jaquetas de couro para os homens….eu não.

Até penso na roupa, mas…primeiro penso em como será meu cabelo e maquiagem. SEMPRE.

Quando penso em anos 60, já surge na minha cabeça a imagem da Twiggy (e sua maquiagem icônica com o côncavo mais marcado do universo e olhos gigantes) e Brigitte Bardot (com seus cabelos desalinhados, coques e meio rabo com topo alto).

twiggy brigitte_bardot

Pronto! Inspiração definida, decidi fazer uma maquiagem neste estilo (olho  marcado, rosto com um pouco de contorno e lábios nude), porém adequada ao meu gosto e estilo de rosto (tenho rosto oval).

Meu objetivo é mostrar que podemos caprichar no visual e conseguir um resultado legal para uma festa, sem gastar uma fortuna no salão! (Para ver com mais detalhes, amplie as fotos clicando sobre elas).

Quer ver o que saiu?

anos_60_1 anos_60_2

Primeiro preparei a pele com primer (quero uma maquiagem durável), base com cobertura média/alta e corretivo para cobrir as imperfeições que restaram após a cobertura da base.

the_porefessionalstudio_fix_fluidcorretivo_nars

Usei uma miniatura do The Poreffesional, Base Studio Fix Fluid da MAC (cor nw25) e corretivo Radiant creamy concealer da NARS (cor Light 3-Honey).


Depois corrigi de leve a minha sobrancelha com o lápis duplo da Quem disse, berenice? (usei o lado cinzel na sobrancelha, e o lado bege eu te conto mais abaixo).

anos_60_3 anos_60_4

Tadinha da minha sobrancelha…tenho poucos pelos e falhas grandes…ainda procuro um jeito melhor de corrigir sem marcar demais (meus pelinhos não são lá muito escuros e tudo que passo, acho muito forte!)


Começo os olhos fazendo uma marcação: Uso sombra marrom média opaca, e com um pincel caneta, desenho uma linha grossa exatamente no meu côncavo (aquela dobra que some quando abrimos os olhos). Abra e feche o olho algumas vezes para ver aonde é enquanto desenha.

anos_60_5anos_60_6

Não se preocupe com acabamento, ela será uma linha base para você seguir e a cor ajudará a mesclar tudo com seu tom de pele mais adiante.

anos_60_7

Ficará como aparece à esquerda na foto acima. Notou?


Agora escolha uma sombra preta opaca e desenhe novamente no côncavo, mas coloque o preto dentro da marca marrom que você já fez. A transição de cores ficará mais bonita se passar do preto para o marrom, e depois do marrom à sua pele (degradê mais suave).

anos_60_8 anos_60_9

Não se assuste, você está fazendo certo!! A maquiagem fica esquisita antes de mesclar as cores.


Usei um tom de marrom mais claro e opaco para fazer movimentos de vai e vem sobre o encontro do preto e marrom. Esfume bastante de um lado ao outro sobre a junção das cores, mão leve…o que conta é a repetição. Faça isso somente na borda superior das sombras aplicadas, em direção à sobrancelha (deixe a marca do preto sem esfumar na parte inferior). Pegue mais sombra marrom clara se desejar…o importante é deixar a transição suave: preto – marrom escuro – marrom claro – pele – sobrancelha…entendeu?

anos_60_10 anos_60_11

 Dá pra perceber as linhas sumindo e as cores se misturando em direção à sobrancelha? Não suba muito com o pincel, senão você ficará com sombra marrom até lá em cima. Movimentos de vai e vem sobre a junção….sem subir….A sombra marrom clara ajuda a suavizar ainda mais.


anos_60_13 anos_60_14

Agora com uma sombra bege opaca (pouco mais clara que meu tom de pele) ilumine o arco da sobrancelha e depois preencha toda a pálpebra móvel.

anos_60_12 anos_60_15

Olha só como fica (eu sempre volto e esfumo mais um pouco no final, pois sempre acho algum lugar que está marcado). Mas já deu pra notar que está mais suave, né?


anos_60_17

Anos 60 pedem olhos grandes, portanto use lápis bege na linha d’água (lápis escuros vão diminuir seus olhos). Usei o outro lado do meu lápis duo da Quem disse, Berenice?

anos_60_16

Aproveite o resto de sombra preta no pincel caneta e passe rente aos cílios inferiores pelo lado de fora. Aplique esfumando, assim só restará um sombreado escuro, sem linhas fortes e definidas (lembre-se: na linha d’água use bege, e fora do olho use cores escuras para aumentar).

Hora de respirar fundo, meditar um pouco, relaxar os músculos e pegar seu delineador. Não adianta chorar, gritar….para aprender é preciso treinar, treinar até cansar. Mesmo assim você vai continuar acertando e errando. É difícil deixar os dois olhos iguais, acertar na grossura do traço, conseguir aquela pontinha perfeita. TREINE. Não gostou do resultado? Não use, oras….passe um lápis preto bem apontado que é bem mais fácil. Nesta make será importante ter um tracinho preto rente aos cílios pois vamos aplicar postiços e o acabamento fica melhor assim.
anos_60_18

Eu usei delineador líquido desta vez, mas você pode usar o que produto que preferir (em gel, caneta…). Não puxei a ponta externa pois quero meus olhos bem grandes e redondos (lembra da Twiggy?!).

Escolhi cílios postiços bem longos no canto externo e mais curtos no canto interno dos olhos. Adoro esses que tem aparência natural e que os pelinhos são presos numa linha transparente (dá pra perceber abaixo que os tufinhos são presos num fio sem cor? Isso deixa os cílios mais naturais depois de aplicados).

anos_60_20 anos_60_21

Aplique os cílios exatamente sobre o traço de delineador (ou lápis) que você fez. ( Tem post ensinando tudo sobre aplicação de postiços aqui).Com os cílios sobre o traço, não ficará nenhum pedaço claro aparecendo entre os seus cílios reais e os postiços.

anos_60_22 anos_60_25

Capriche na máscara nos cílios inferiores, isso ajudará no efeito olhão.


anos_60_28

Para completar a pele, bronzer para contornar ou somente um blush pêssego (eu fui de bronzer e arrematei com um iluminador no topo das maçãs porque  o meu lado festivo e meio drag queen pediu…não me julgue).

anos_60_26 anos_60_27

Bronzer antiguinho sem marca, blush da Julia Petit para Mac e Iluminador Duda Molinos.


anos_60_29

Nos lábios fui de batom nude com fundo rosado e efeito cremoso (não queria boca totalmente apagada). Usei o Blankety da MAC.

Pronto!! Cabelo com meio rabo bagunçadinho e topo um pouco mais alto pra arrematar!

anos_60_30 anos_60_32

anos_60_33 anos_60_34

Espero que tenham gostado. É difícil fazer tutorial em fotos (não sou maquiadora profissional), mas tentei explicar o máximo possível.

Caso tenha ficado alguma dúvida, é só perguntar nos comentários. Vocês também podem dar sugestões e ideias do que gostariam de ver por aqui!

Hoje tem beijo especial pro marido que virou meu fotógrafo para esse post!

marido_make_anos_60

Beijos e até a próxima!

Me siga no instagram: @karenrothsaiz

publicidade